• glitteradarj

brilhar em toda expansão do seu ser

Durante minha faculdade, professores maravilhosos me ensinaram a conceitualizar e criar algo palpável em cima daquilo. Mas no último período, a professora achava que criação e conceito eram inúteis e para concluir meu curso fui obrigada a ceder a projetos rasos e desagradáveis. Só faltava aquilo, né?

Nessa época eu frequentava muita festa LGBTQIA+ com meus amigos Djs. Para uma garota criativa, amante do universo Drag, de musicais, músicas e figurinos, esse cenário por si só já era motivo suficiente para vestir minhas roupas mais diferentes, botar uns glitters no rosto e sair. A Glitterada era um amontoado de “eus”, minhas diversões e ideias que, no momento em que tive que parar minha criatividade na faculdade, virou meu canal de transmissão ao vivo e acores para todo um público.

Eu virei Djs das mesmas festas que já participava baseada no meu charisma, uniqueness, nerve and talent (e claro, uma ajudinha dos amigos djs que ensinaram o básico do equipamento). Daí em diante eu vivi e vivo um processo de transformação, porque nenhum criador está 100% feliz com o que fez e sempre acha que pode melhorar alguma coisa. Minhas criações são inspiradas fortemente em figurinos, filmes, personalidades e momentos históricos como os Club Kids de Nova York, muito dos anos 80 (menos o neon, é demais para mim).

A Glitterada passa por criação de maquiagem, figurino, setlist, produção musical (que em breve tem lançamento), arte visual e até já cantei na música “Unwritten” que lancei em parceria com John Failly. Depois de um tempo separadas, o alter ego Glitterada e eu nos tornamos mais fluidas. Elá já precisou ser algo muito mais bagaceiro e “do it yourself”, que foram muito ajudados por 6 anos fazendo maquetes na faculdade. Hoje estamos em maior sintonia. Os figurinos são mais polidos e eu consigo transitar entre o que é roupa dela e o meu vestuário no dia a dia.

A Glitterada também me ajudou a entender o que eu acho bonito no design, minhas capacidades de criação - que vão MUITO além daquilo que estudei em universidade - e principalmente quem eu sou. Hoje eu tenho certeza que a forma como você se veste, também comunica. Que a figura Glitterada mesmo em foto estática transmite quem ela é! Transmite alegria, extroversão, simpatia, confiança. E transmite pra muita mulher que você pode ser você mesma e brilhar em toda a expansão do seu ser .